Categoria: Receitas cruas

Ler Mais

Tártaro de bacalhau fresco com romã

Este Tártaro é perfeito para a quadra de Natal, e confesso que me deu um gosto especial de preparar. Procurava uma receita com contraste de cor e sabor, que se adequasse à ocasião. Um bacalhau –  cru e bem fresco, com romã, azeitona preta em leite de coco..

Ler Mais

Tártaro de salmão com alho francês

Hoje arrancamos de fim de semana ✨🌟 Acredito que muitas famílias o tenham já feito e  deixo-vos por isso uma receita do livro Cru – muito simples! E que podem inclusive fazer para uma mesa cheia de gente! Basta multiplicarem a receita pelo número de pessoas 🙃😊❤️

Experimentem este maravilhoso Tártaro de Salmão com alho francês – um excelente substituto da cebola, que por vezes, lhe rouba o lugar. Tento sempre variar e trazer alguma diversidade às minhas receitas. Esta resultou muito bem e tem sido muito bem aceite na ca por casa.

Ler Mais

Tártaro de fruta 🍊🍋🍇🍒

Costumo fazer este tártaro cá em casa quando tenho jantares grandes. É uma simples salada de fruta convertida num tártaro e cheia de pinta. E é muito versátil. Este mesmo tártaro já o ‘finalizei’ de variadas formas 👌🏻 Desta vez optei nao adoçei com nada para além da fruta, e agarrei-me aos delírios da hortelã ✨KEEP IT SIMPLE AND HEALTHY 😉

Ler Mais

Aquele momento perfeito | Taco de ceviche de salmão

Esta receita de Ceviche de Salmão é de uma simplicidade que não falha, e facilmente adaptável a várias circunstâncias: desde uma refeição, a uma simples entrada num jantar de amigos, ou mesmo um snack. Gosto de a comer com a ajuda de uma colher, num prato cheio de leite de tigre, ou sobre uma fina fatia de pão tostado em azeite. Ou simplesmente num taco! Adoroooo ❤️

Ler Mais

Tártaro de bacalhau fresco em esparguete de abóbora

O que mais gosto neste estilo de cozinha, é o desafio de transportar os crus para o meu dia a dia, juntando-os ao que temos de saudável e que tanto gostamos. E hoje é dia de transportar o meu típico Tártaro de bacalhau, para um universo um pouco mais quente. Vou servi-lo com espaguete de abóbora salteado.

Quando cozinho a abóbora, gosto sempre de guardar as sementes e assá-las no forno com sal. É, para mim, um “programa” comê-las ainda quentes e estaladiças, e depois gosto de as conservar numa caixa de latão. Aprendi com o meu pai, que comprava sacos de pevides nas férias de verão em São Martinho do Porto, que as assava ao longo do inverno e as guardava numa caixa debaixo do sofá.

Aqui fica a minha deliciosa receita, para experimentarem durante o fim de semana.

Ler Mais

O Bife Tártaro

Ja lá vai o tempo em que o Bife Tártaro era um prato difícil de  encontrar. Hoje, encontramos na ementa de muitos restaurantes. E eu fico tão contente.

Mas não é por isso, que não devemos aprender a faze-lo em nossas casas. É tão simples 🙂 e podemos incluí-lo nas nossas ementas da semana.

Ler Mais

Carpaccio de morango com iogurte de hortelã e granola

Tenho andado em grande actividade, e claro está não podia deixar de aceitar o convite do El Corte Inglês de Lisboa para um maravilhoso Showcooking. Depois de uma passagem pelo Porto, era obrigatória a minha passagem pelo de Lisboa  ❤

Teve lugar na passada 5ª feira dia 22 de Setembro, e um dos pratos de eleição foi o Carpaccio de morango 🙂 que pode ser servido como sobremesa, como brunch ou mesmo como pequeno-almoço. na verdade é um estilo de prato que se adapta a várias circunstâncias!

Ler Mais

Carpaccio PINK LADY com molho critico de framboesa e mel

Hoje acordei com aquele desejo de fruta, muita fruta! E uma mesa arranjada para me deixar ficar .. simplesmente ficar! Sentia falta de um Domingo de bom tempo, aqueles em que nos arrastamos e deixamos arrastar – sem aquele calor abrasador que só pede praia! São 12h30 e ainda aqui estou … GOTA LOVE THIS DAYS 👍🏻

Ler Mais

Carpaccio Cítrico com romã e hortelã 🍋

Desde que comecei a ter cuidado com a alimentação, que me preocupo em não sair de casa sem um bom pequeno almoço. É um dos momentos importantes do meu dia, e do qual não prescindo. Consciente deste desafio matinal de ter as crianças e o pequeno almoço na mesa, optei por começar tudo mais cedo. E sabe tão bem! O dia ganha outra cor 🙂