Setúbal. A Cidade escolhida de Março.

Propusemo-nos a um desafio em família – viajar cá dentro. Todos os meses, ao fim de semana, vamos conhecer o melhor do nosso pais. O que torna muito interessante este desafio não é o sentido da descoberta, ou do desbravar cá dentro… mas sim, conseguirmos que o Martim e o Pedro, de 8 e 6 anos, gostem de o fazer. Nem sempre é fácil levar crianças para um museu, para 2 museus, e por vezes para 3 no mesmo dia.. O grande desafio é este mesmo. Montar a visita à nossa medida, ter a certeza que eles gostam e que aprendem de uma forma interessante e pouco intensa. Que voltam para casa a pensar no destino seguinte, e que arrancam novamente – cheios de vontade, poucas semanas depois. Que conhecem verdadeiramente o que é Portugal, este pais com tanta historia, e por vezes tão pouco explorado por nós portugueses. Portugal é genuinamente lindo em todos os sentidos.

E que bom o destino escolhido para este mês: Setúbal. A apenas 1h00 de carro de Lisboa, foi o destino perfeito para arrancarmos de manhã e voltarmos ao final do dia. Com tanta natureza por explorar começámos com um magnifico passeio de UMM pela Serra da Arrábida. Durou toda a manhã.. e foi incrível. Até boleia demos ao Skater Luis Valente – adoraram vê-lo a sair do UMM e descer a Serra. E sim, este destino foi propositado.. uma cultura a outro nível: mais “ao natural”!

O ponto de encontro foi junto ao Mercado do Livramento, sem dúvida aquele sitio a não perder quando o destino é Setúbal. A frescura sente- se no ar,  e a nossa tradição está viva – como nunca, nas bancas do Mercado.

O UMM da Sandra e do João ( GO 4 Tour ) esperava por nós, com umas mantinhas e um cesto já a pensar no pic-nic a meio da manhã. O destino foi a tão maravilhosa, única e genuína Serra da Arrábida.

Parámos no Portinho da Arrábida, espreitámos os Galápos, os Galapinhos e a praia da Figueirinha. Praias lindas de água transparente e de diferentes tonalidades, que se perdem e cruzam com o maravilhoso verde do campo. Desde o mar a perder de vista, aos miradouros com vistas deslumbrantes, a luz que nos deixa sem ar … e tudo isto visto do andar de cima de um UMM que tornou tudo ainda mais especial.

Recarregámos energias na berma da estrada com uma limonada preparada pela Sandra, com os limões da quinta, umas espetadas de fruta e um maravilhoso queijo de Azeitão – de chorar por mais!

Fomos à Quinta do Alcube onde espreitámos a adega e  ouvimos um pouco da história.

Terminámos o passeio na Reserva Natural do Estuário do Sado, com uma visita ao Moinho de Maré da Mourisca, um dos 4 moinhos de maré do Sado, que está preparada para o funcionamento de 8 mós. Chegámos com a maré completamente vazia, e foi incrível. Gosto sempre quando os barcos estão simplesmente deitados na areia…

De volta ao centro de Setúbal, passeámos pela Avenida Todi, e almoçámos na Praça do Bocage – uma experiência muito “típica” com o peixe escolhido nas vitrines centrais de cada um dos 4 restaurantes. Passeámos junto ao Porto de Setúbal, onde vimos a saída dos Ferrys e a instalação de Golfinhos, e sentamo-nos por uns minutos a perceber a dinâmica.

E por fim fomos conhecer a Igreja de São Julião, e a Igreja de Santa Maria da Graça.

Terminámos com a passagem pelo Forte de São Filipe e um mergulho de despedida na Praia do Creiro.

 

Até ao próximo destino ,)

3 pensamentos sobre “Setúbal. A Cidade escolhida de Março.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s